3.4.09

Oi

Quando pensamos naqueles sonhos que não se realizaram e nas inúmeras pessoas que apertamos a mão e não conhecemos, lugares e culturas que não pisámos e sentimos, entramos em crise. Crise sem desgosto, sem ressentimentos. Afinal, nós somos o que somos e não podemos fugir da realidade de nós mesmos a não ser que queiramos ser alguém que nunca seremos. Pior do que eu é não ser o que sou, tentando ser aquilo que eu acho que deveria ter sido.

Um comentário:

Ilda disse...

Mas sabes uma coisa?como diz um amigo meu,mais vale se lo do que parece lo.
Entretanto viveremos sempre com essa dualidade.Beijinho

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...